25 de out de 2013

Indefinido Amor /Capítulo 44



Eu amo você, e não me canso de dizer que você é minha vida (Seu Nome). Não vou deixar nada, nem ninguém, machucar você.

Dennis-On 

Vc- Dennis? – foi o único som que conseguir produzir, logo após de abrir a porta– O que faz aqui? –perguntei um pouco chocada–

Dennis- tenho algo que precisa ver.. – sua respiração era ofegante e parecia trazer a pior noticia do mundo– Seus pais estão em casa?

Vc- não.. –olhei pra dentro e retornei a encara-lo – Foram jantar fora.

Dennis- bom... –umedeceu os lábios– Posso entrar?

Vc- sim. –respondi desconfiada. Ele passou por mim, e o cheiro de álcool invadiu minhas narinas, me caucionando um revira volta no meu estomago. Balancei a cabeça, querendo que aquele mal estar passasse. Fechei a porta e me virei, o vendo com um sorrisinho no rosto– O que tem para me mostrar?

Dennis- você ama muito o Justin, correto?

Vc- o que isso interessa a você?

Dennis- a mim? – riu debochado– Nada. Absolutamente nada. Já a você...

Vc- se continuar assim,vou mandar você ir embora.

Dennis- você não respondeu minha pergunta.

Vc- que pergunta Dennis?

Dennis- você ama o Justin?

Vc- claro que sim!

Dennis- tem certeza?

Vc- óbvio que tenho Dennis!

Dennis- mesmo descobrindo que ele te traiu?

Vc- do que esta falando?

Dennis- disso...

Dennis esticou sua mão, com um envelope amarelo. Minhas mãos gelaram, e admito que estava até com medo de pegar aquilo. Ele continuo olhando pra mim, e aproximou o papel da minha mão, ate que instantaneamente minhas mãos apanharam aquilo, e em questão de segundos destruiu aquele papel, vendo desesperadamente o que tinha dentro. Era foto, e ainda estava virada ao contrario. Dennis me observava receoso, porém seus olhos brilhavam mais que tudo. Abaixei meu rosto e encarei aquilo.

Não, não NÃO! Não era o que estava vendo. Sentir tudo fraco, e me desabei no chão. A foto caiu ao meu lado, e Dennis me abraçava fortemente. Estava em estado de choque, que não conseguia ouvir o que Dennis falava. E que se dane o que ele estava falando, não poderia acreditar naquela foto.

Vc- DENNIS, ISSO É MENTIRA! JUSTIN NÃO FARIA ISSO COMIGO, ELE ME AMA! –tentava afastar Dennis de mim, dando leves socos nele, todavia ele não se recuava e me abraçava mais, me prendendo em seus braços–

Dennis- eu sei, eu sei..

Ele cochichava alisando meu cabelo. Meus movimentos falharam ao arriscar-me afastar dele, e cansada, decidir permanecer quieta. Ele ainda persistia em dizer coisas idiotas pra mim, mas era como se não escutasse o que pronunciava. Estava pasma. Aquela imagem não saia da minha cabeça, era tão clara, tão viva. Nem gostava de olhar pro lado, pois aquela fotografia estava ali, no chão, centímetros longe de mim, aterrorizando sem mesma olhá-la.

Justin, meu Justin, agarrando uma menina. Ele estava de costas, e a menina a sua frente, e estavam se beijando. Não dava muito pra reconhecer se era mesmo o Justin, mas percebi por causa da blusa, Justin tinha uma parecida, e também por causa do cabelo e relógio. Estava tão escura a fota, que nem dava mesmo pra ver suas tatuagens. No entanto, eu sabia que aquele era o Justin, tinha tanta certeza, que poderia me jogar em frente de um carro. O que não seria uma boa idéia, afinal.

Já haviam se passado alguns minutos e ainda permanecia no chão. Dennis se afastou de mim, pegou a foto e colocou em cima do sofá. Retornou pra mim, sentando ao meu lado. Olhei pra ele, com minha cabeça fervendo de tanto chorar, mas as lagrimas não param de descer. Era a até verdade tudo que diziam, que Dennis era ruim, um imprestável, mas ele era o único que estava me consolando naquele momento. Foi o único a me mostrar a grande burrada que estava fazendo na minha vida. Acreditar no Justin Bieber? Como sou uma idiota, definitivamente idiota.

Dennis- não imaginava que gostava tanto dele.. – colocou uma mecha do meu cabelo atrás da orelha– Desculpe por causar esse transtorno todo em você. Sei até que pode dar esse sorrisinho leve– beliscou meu nariz e sorrir de suave– Mas que por dentro esta acabada e sozinha. – inspirei profundamente e sequei algumas lagrimas– Nunca deixei de gostar de você, desde o primeiro momento que te vi. O Nicholas certamente deve ter dito a você que Justin não prestava, queria ate dizer, mas não tinha tanta intimidade com você. Mas quando, fui à boate, e avistei Justin lá, agarrando outra garota, ou até mesmo levá-la pra cama, não pude me conter (Seu Nome). Você é uma garota incrível, e não merece ser enganada, de nenhuma maneira.

As palavras pareciam estar presas a minha garganta. Soluços se misturavam com lagrimas, e não me imaginava me movendo. Fechei meus olhos e retornei a abri-los ao notar um ar quente pertinho da minha boca. Antes mesmo que pudesse pensar, os lábios carnudos do Dennis colaram no meu. No inicio tentei negar, contudo ele foi fofo, e de alguma maneira queria retribuir aquilo. E o beijo foi a melhor maneira de dizer um “obrigado por me suportar chorando por outro” mesmo assim, Justin ainda estava na minha mente. Como se o beijo do Dennis não tivesse nenhuma conexão forte o suficiente pra tirar Justin da minha cabeça.

Vc- por favor, sai daqui Dennis .. –afirmei separado nossos lábios–

Dennis- (Seu Nome), não posso deixá-la sozinha numa hora dessas.

Vc- estou bem. – menti– Agradeço pelo o que fez, agora por favor, se retire daqui. –continuei com meu olhar fixado no chão. –

Dennis- tudo bem. –ele bufou se erguendo do chão. Limpou sua calça, e andou a caminho da saída– Espero que fique bem. E que pense em quem realmente se deve lutar. Por uma mentira doce, ou por um cara que ama você. –escutei o som da porta se abrindo e logo após se fechando. Abracei minhas pernas e enviei minha cabeça no espaço que ficava entre elas.

Cenas e falas do Justin vinham a cada suspiro na minha memória. O fato de ele ser extremamente brincalhão e ao mesmo tempo insuportável. O fato de quando eu estava tão abandonada ele apenas disse “eu amo você, e não me canso de dizer que você é minha vida (Seu Nome). Não vou deixar nada, nem ninguém, machucar você.” Mentiroso! MENTIROSO! Como pude ser tão tola, ao ponto de acreditar em tudo que me dizia?

Justin-On

Umas das melhores noites com meus amigos. Rimos bastante, e bebemos muito, mas diminui um pouco, por conta que prometi a (Seu Nome) que beberia maneirado. Evitei de fumar também, não queria ver minha garota brava comigo somente porque dei umas tragadas. Ela era perfeitinha demais, e se apaixonou logo por um cara totalmente viciado em tudo de ruim nessa vida. Mas ela me fazia agir diferente, pensar diferente. Era como se tivesse um vazio, que nem uma puta, bebidas podiam preencher, só o colo dela era o bastante pra me sustentar.

Ryan se surpreendeu a me ver negando vadias dançando na minha frente. Talvez não acreditasse que estava mudado. Admito que olhei pra elas e desejei tê-las chupando meu pau, mas logo passava, algo totalmente milagroso, porque em outros tempos, faria uma rapidinha com ela, num canto escuro daquela boate. Por isso, não peguei nenhuma mulher, pois a minha princesa já é tudo pra mim.

Vc- na boate correto Justin?

Assim que terminei de fechar a porta do carro, avistei-a saindo de casa, de vestido curto, seu cabelo preso como rabo de cavalo e seu rosto vermelho e inchado, parecia ter chorado um rio. Tranquei meu carro, e olhei rapidamente pra minha casa, a luz do quarto da mamãe estava acesa, o que provava que ela estaria lendo um livro.

Jus- meu amor, aqui não é um bom lugar pra nos falar, vamos entrar, seus pais devem estar em casa.

Vc- não estão Justin.            
                                    
Jus- melhor ainda, vamos, conversamos la dentro. Esta frio aqui fora. –me aproximei dela, e peguei na sua mão. Mas seu gesto foi rápido e grosso, tirando sua mão da minha–

Vc- não me toque. –deu um passo pra trás–

Jus- (Seu Nome), o que esta havendo? Porque estava chorando?


Desculpem pela demora, enfim. Aí esta o capitulo. Vou tentar postar com mais frequência. Desculpem por tudo, eu amo vocês.

15 comentários:

  1. OMG EU AMEI E PORQUE TANTA DEMORA EM?
    QUASE ME MATOU DE SAUDADE OK?
    NAO FAZ MAIS ISSO Ù.Ú
    ENFIM CONTINUA O MAIS RAPIDO QUE PUDER POR FAVOR EU AMEEEEI

    ResponderExcluir
  2. PENSEI QUE IRA ABANDONAR A GENTE HEIN!!! CONTINUA POR FAVOR <3

    ResponderExcluir
  3. Coontinuaaaa meu amoooor. Ai, eu amo essa ib gzuuissss.

    ResponderExcluir
  4. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH GEZUIS MENINA , CONTINUA ISSO LOGO , TO SUPER HIPER MEGA CURIOSA *U*

    ResponderExcluir
  5. E eu aqui quase chorando, hein? OH GOODNESS! *O*
    Okay, o Biebs não pegou nenhuma, mas e essa foto? Vou matar o Dennis ;@ E AINDA POR CIMA ELES SE BEIJARAM! ;@@@@@@@@@@ Bieber foi traído *oo* Já te falei mil vezes que essa história me lembra minha vida atualmente, né? kk' gosto muito dessa história, de verdade, sério mesmo ♥
    Hey Thatá, por que o pedido de desculpas? Não se sinta mal, você é a melhor escritora que existe, não só pelas fics maravilhosas que sempre me emocionam, mas também pela tua humildade e teu carinho conosco. Sério, nunca conheci uma pessoa tão doce quanto você. :')) Você é incrível, ta? Não se esqueça disso, nunca.
    Enfim, gostei muito do capítulo, ta tudo perfeito como sempre, mas agora to mega curiosa para saber o que vai acontecer no próximo! *o* Continua minha ídola, te amo, beijos do Bieber! <33

    ResponderExcluir
  6. ikjikdsnjkhdjkadkj
    VOU MATAR O DENNIS! ESSE FDP,DESGRAÇADO!!!!!!!! :@ PORRA!!!!
    o justin não fez nada! apesar de ter pensando uns besteira ¬¬ ele NÃO FEZ NADA!
    PQP MANO,eles vão terminar por conta desse fdp do DENNIS! que odeio desse otário!!! :@
    aaaaaaaaaamoraaaaaaaaaaa,que saudades!! <3 pensei que ia abandonar agente! u.u ameeeeeeeei,super feito!! ta lindo o lay do blog! continue logo ok?? i need!!!!
    beijos amora,lhe aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaamo!!! byyye1 <3 bjs

    ResponderExcluir
  7. mas que porra, velho thata a demora valeu a pena, CARALEO ameiii ameiii, continua logo amr

    ResponderExcluir
  8. ARGGGGGGGGGGGGH QUE RAIVA DO DENNIS! CONTINUA PELO BIEBER AMADO!

    ResponderExcluir
  9. Minha thata o que tava acontecendo com voce? Porque nao postava mais? Meus deus que saudades de indefinido amor mano que saudades de voce aqui postando suas ibs maravilhosas e comentando la no meu blog, depois que eh vi seu comentario la eu quase porei e falei nao mano nao posso fazer isso eu tenho que continuar pela thata e pela Mih uma amiga minha. Mas meu amor eu quero que voce continua isso logo logo e eu pra falar a verdade nao acredito que é o Justin nessas fotos, tomare que ela descubra antes mesmo de fazer uma burrada, e se ela fizer que ele conte logo a ela da aposta pq vai ser mt pior se ela descobrir ;) continua minha amora linda... E ahh eu continua Dangerous Love la no meu espero que goste e comente, pq seu simples comentario e tudo pra mim ;)

    BieberKisses

    ResponderExcluir
  10. caraleo, que saudade que eu tava.
    Mas como Justin podê fazer isso comigo?
    Ele tem problemas?
    Eu o amo e é isto que recebo em troca do meu amor?
    uma traição?
    cooontiinua

    ResponderExcluir
  11. veiiiiiiiiiiiiiiiiii viciei mtmtmtm! e mt perfeita! continuaa pelo amor de deus! continuaaaaa

    ResponderExcluir
  12. Nossa vei eu amei, que mara sério msm continuaaaa.... pleas
    Divulgando linda http://imaginebelieberforevergirl.blogspot.com.br/
    Mais ainda quero q vc continue u.u KKk' bjus

    ResponderExcluir